Portfólio coletivo reflexivo: ferramenta potencializadora do trabalho em equipe, raciocínio crítico e tomada de decisões Portafolio colectivo reflexivo: herramienta motivadora del trabajo en equipo, pensamiento crítico y toma de decisiones Collective re

Rosângela Minardi Mitre Cotta, Luciana Saraiva da Silva, Glauce Dias da Costa Dias da Costa

Resumen

Objetivo: analisar a experiência de construção de portfólios coletivos reflexivos como ferramenta de ensino, aprendizagem e avaliação, potencializadora do trabalho em equipe, raciocínio crítico e tomada de decisões, no ensino das Políticas de Saúde. Métodos: pesquisa qualitativa utilizando a análise documental de portfólios coletivos (119) e grupos focais (48) construídos na disciplina de Políticas de Saúde. Participou do estudo um total de 1.043 estudantes universitários dos cursos de saúde nos anos de 2008 a 2015 (16 semestres letivos). Resultados: os portfólios estimularam a autonomia, responsabilidade e empoderamento dos estudantes na construção de seus projetos de vida pessoal, social e profissional, com ênfase no trabalho em equipe interdisciplinar, a partir da superação das adversidades com criatividade, crítica e reflexão. Os estudantes desenvolveram, gradativamente, os pensamentos cognitivos e metacognitivos, buscando novas fontes de reflexão, assumindo atitudes mais responsáveis, comprometidas e questionadoras, próprias da juventude.

Palabras clave

Aprendizagem; Avaliação; Ensino; Método ativo; Portfólio reflexivo

Texto completo:

PDF

Referencias

Alarcão, I. (2001). Escola Reflexiva e nova racionalidade. Porto Alegre: ARTMED Editora Ltda.

Brasil. (2014). Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais. Resolução nº 3, de 20 de junho de 2014. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina e dá outras providências. Brasília.

Costa, G.D. & Cotta, R.M.M. (2014). Learning-by-doing: social representations of healthcare students regarding reflective portfolio as a teaching, learning and assessment method. Interface (Botucatu), 18(51), 771-784.

Cotta, R.M.M. & Costa, G.D. (2016a). Portfólio Reflexivo: método de ensino, aprendizagem e avaliação. Viçosa: UFV/ABRASCO.

Cotta, R.M.M. & Costa, G.D. (2016b). Instrumento de avaliação e autoavaliação do portfólio reflexivo: uma construção teórico-conceitual. Interface (Botucatu), 20(56), 171-183.

Cotta, R.M.M., Campos, A.A.O., Mendonça, E.T., Costa, G.D., Machado, J.C., Silva, L.S., Siqueira, R.L., Leão, R.T., & Reis, R.S. (2013). Políticas de saúde: desenhos, modelos e paradigmas. Viçosa: UFV/ABRASCO.

Cotta, R.M.M., Costa, G.D., & Mendonça, E.T. (2013). Portfólio reflexivo: uma proposta de ensino e aprendizagem orientada por competências. Ciência & Saúde Coletiva, 18(6), 1847-1856.

Cotta, R.M.M., Costa, G.D., & Mendonça, E.T. (2015). Portfólios crítico-reflexivos: uma proposta pedagógica centrada nas competências cognitivas e metacognitivas. Interface (Botucatu), 19(54), 573-588.

Cotta, R.M.M., Cotta, F.M., Costa, G.D., Silva, L.S., Cotta, R.M., Campos, A.A.O., Bastos, M.A.P., Machado, J.C., Prates, M.L., & Mendonça, E.T.

(2016c). “Portfólios coletivos como método de ensino, aprendizagem e avaliação crítico-reflexiva: exercitanto o aprender a conviver e a trabalhar junto”. En Atas do 5º Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa. Investigação Qualitativa na Educação: 17-26. Portugal: Ludomedia.

Cotta, R.M.M., Mendonça, E.T., & Costa, G.D. (2011). Portfólios reflexivos: constrindo competências para o trabalho no Sistema Único de Saúde. Revista Panamericana de Salud Pública, 30(5), 415-421.

Cotta, R.M.M., Silva, L.S., Lopes, L.L., Gomes, K.O., Cotta, F.M., Lugarinho, R., & Mitre, S.M. (2012). Construção de portfólios coletivos em currículos tradicionais: uma proposta inovadora de ensino-aprendizagem. Ciência & Saúde Coletiva, 17(3), 787-796.

Delors, J. (1996). La educacion encierra um tesoro. Madrid: Santillana.

Driessen, E., Van Tartwijk, J., Van Der Vleuten, C., Wass, V. (2007). Portfolios in medical education: why do they meet with mixed success? A systematic review. Medical Education, 41(12):1224-33.

Driessen, E.W., Overeem, K., Van Tartwijk, J., Van Der Vleuten, C.P., Muijtjens, A.M. (2006). Validity of portfolio assessment: which qualities determine ratings? Medical Education, 40(9), 862–866.

Freire, P. (2013). Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Klenowski, V. (2007). Desarrollo de portafolios: para elaprendizaje y la evaluación. Madrid: Narcea S.A.

Lizarraga, M.L.S.A. (2010). Competencias cognitivas em educación superior. Madrid: Narcea S.A.

Rangel, J.N.M. (2003). O portfólio e a avaliação no ensino superior. Estudos em avaliação educacional, 28.

Roget, A.D., & Serés, V.G. (2014). Práctica reflexive: bases, modelos y instrumentos. Madrid: Narcea S.A.

Zabalza, M.A. (2009). Competencias docentes del profesorado universitario – calidad y desarrollo professional. Madrid: Narcea, S.A.

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.